sábado, 12 de fevereiro de 2011

Amianto ameaça a saúde nos Açores

O amianto está presente em 90 edifícios públicos da Região. O produto gera várias doenças, entre elas o cancro do pulmão.

Amianto, ou asbesto, é um produto que integra, por exemplo, os telhados de fibrocimento. Mas também pode ser encontrado em placas isoladoras ou em mosaicos. Trata-se de um mineral cancerígeno, proibido há muito na Europa.

São Miguel e Flores são as ilhas onde existem mais edifícios públicos com amianto. De acordo com a lei, nos próximos 10 anos a Região é obrigada a retirar este tipo de material das escolas, lares e polidesportivos.


Notícia: «Telejornal» da RTP/Açores.
Recentemente já havíamos noticiado que há "Edifícios públicos [em cuja construção foram usados materiais]... com amianto!".

Saudações florentinas!!

3 comentários:

Anónimo disse...

O amianto só é perigoso, quando se respira a fagulhas.
Quando de corta, perfura ou parte, libertam-se fagulhas microscópicas para o ar, que, quando respiradas, alojam-se de forma irreversivel nos pulmões.

Daí advém problemas respiratórios crónicos e cancros.

Um telhado de amianto quando muito velho, pode libertar dessas fagulhas.

Aqui nas Flores foi muito moda os fibrocimentos nos telhados, alguns dos quais com percentagens de amianto elevadas.

As nossas telhas de barro, as pedras das nossas paredes, a madeira dos nossos sobrados e a cal e o ocre das nossas paredes, é o mais saúdavel que temos.

Fórum ilha das Flores disse...

No passado sábado [dia 12], o semanário «Expresso» trouxe esta notícia com chamada de primeira-página: "Cancro mata mais nos Açores. (...) População açoriana é a que mais morre por tumores em todo o país.".

Em outras notícias [«Açoriano Oriental», rádio Atlântida e «Jornal Diário»], ficamos também a saber que o cancro provocou 8.465 mortos na Região, na década entre 1997 e 2006.

João Gravito disse...

Exmos. Srs.,

Desde já os nossos cumprimentos.

ATENÇÃO, o AMIANTO mata.

Proteja os seus colaboradores!

Não vale a pena correrem riscos desnecessários!

Vendemos Unidades Rebocáveis e Fixas para Descontaminação de Amianto a Pressões Negativas, em Pessoas que Trabalhem na Remoção de Amianto.

Pode visualizar: http://camaras-descontaminacao-amianto.blogspot.pt/ ou http://reboques-descontaminacao-amianto.blogspot.pt/ ou http://www.joao-gravito.pt

Vídeo: Governo vai identificar edifícios públicos com amianto - http://www.rtp.pt/noticias/index.php?article=536388&tm=9&layout=123&visual=61

USE EQUIPAMENTO ADEQUADO!

NÃO CORRA RISCOS DESNECESSÁRIOS!

Amianto - Riscos para a Saúde

A inalação das mais finas fibras de amianto, não visíveis à vista desarmada, poderá provocar graves doenças nos seres humanos. Poderão ser contraídos carcinomas dos brônquios, mesoteliomas ou cancro de pulmão, doenças cancerígenas incuráveis. O risco aumenta com o grau de exposição, portanto, em função da carga média a longo prazo e da respetiva duração de atuação.

Mesmo em curtos espaços de tempo, as cargas máximas podem exercer uma influência negativa considerável para o resto da sua vida.

Decreto-Lei n.º 266/2007, D.R. n.º 141, Série I de 2007-07-24

Transpõe para a ordem jurídica interna a Diretiva n.º 2003/18/CE, do Parlamento Europeu e do Conselho, de 27 de Março, que altera a Diretiva n.º 83/477/CEE, do Conselho, de 19 de Setembro, relativa à proteção sanitária dos trabalhadores contra os riscos de exposição ao amianto durante o trabalho.