sábado, 4 de março de 2017

CMLF apresentou Festa do Emigrante

A Câmara Municipal de Lajes das Flores apresentou no passado dia 27 de Fevereiro a XXXII edição da Festa do Emigrante, que se realizará este ano de 14 a 17 de Julho.

Para a edição deste ano da Festa do Emigrante, a Câmara Municipal irá manter a matriz que tem caracterizado estas que são as maiores festas concelhias, e que passam sobretudo pela promoção e valorização da nossa cultura e das nossas tradições, nomeadamente pela apresentação do nosso folclore, das nossas marchas, da nossa gastronomia e do nosso artesanato. Pretendemos igualmente apresentar a quem nos visita um pouco da nossa história e da nossa identidade, bem como o nosso património histórico e natural.

Ao nível dos concertos musicais estão já confirmados os grupos Blind Zero, Rute Marlene, XPTO e Haja Saúde, um grupo de emigrantes açorianos oriundo da Califórnia.

Foi igualmente apresentado o cartaz deste ano da Festa do Emigrante, da autoria de Pedro Braia, vencedor deste ano do concurso do cartaz para a Festa.

Este ano o navio de passageiros irá permanecer novamente de sexta a segunda-feira nas Lajes, o que se espera possa atrair mais visitantes à ilha das Flores e contribuir para o sucesso da XXXII Festa do Emigrante.


Notícia: "sítio" da Câmara Municipal de Lajes das Flores.
Saudações florentinas!!

6 comentários:

Anónimo disse...

As Câmaras tem o pouco poder que tem. Organizam, executam, criam as infraestruturas que estão ao seu alcance, mas não é tudo. Temos nesta ilha 3 deputados, que de livre vontade escolhemos, que em articulação com as autarquias podiam fazer mais pela ilha.

Precisamos de uma infraestrutura que atraia turistas ao grupo Ocidental. Os mesmos que agora dizem que fazer um cais de cruzeiros aqui é caro, calaram-se quando se fez em São Miguel. Levaram dez anos a subsidiar aviões para atrair turistas a São Miguel. Diz que na Terceira, por exigência dos órgãos locais, estão a fazer o mesmo. Aqui pedincha-se um barco nos dias da Festa do Emigrante...

Enquanto não resolvermos o problema dos transportes, com vindas regulares, não vamos a lado nenhum.

Anónimo disse...

Espero bem que o barco come-se a fazer viagens a partir do 1 de Junho, semanal.

Anónimo disse...

estes são socialistas mas é para defender o padrinho de são Miguel não é para defender o povo das flores.

Anónimo disse...

Cale-se. Os partidos pouco ou nada interessam para aqui. Só prejudicam, porque basta um dizer que deve ser assim para o outro dizer que é ao contrário. Os interesses da ilha estão muitos quilómetros acima da canalha que se mete nos partidos.

Anónimo disse...

quando se apresenta a demissão dos encarregados desta autarquia olhem so para o autocarro aos meses na rua a chuva e salmoura

Anónimo disse...

È verdade anónimo das 9.37 o autocarro a criar ferrugem não é deles e estão quase a saírem pela porta fora. Assina o sempre atento para o melhor nas Lajes.