quinta-feira, 21 de outubro de 2010

Conselho de ilha das Flores defendeu a revisão dos horários de voos da SATA para permitir a ligação diária a Lisboa

O Conselho de ilha das Flores pediu [na passada terça-feira, dia 12] ao Governo Regional dos Açores a revisão dos horários dos voos da transportadora aérea açoriana SATA, de forma a permitir uma ligação diária [desde a ilha das Flores] a Lisboa.

Esta posição consta de um memorando aprovado por unanimidade pelo Conselho de Ilha que foi formalmente entregue ao Governo Regional, no quadro da visita estatutária que o Executivo realizou a esta ilha do Grupo Ocidental.

Manuel Pereira, autarca socialista [de Santa Cruz] que preside ao Conselho de Ilha, salientou que o horário dos voos da transportadora regional para as Flores obriga muitas vezes os florentinos que se deslocam a Lisboa a pernoitar noutra ilha na viagem de regresso a casa. O comunicado do Conselho de Ilha refere, como exemplo, que, durante o mês de Outubro “não é possível fazer [a viagem] Lisboa-Flores às terças, quintas, sábados e domingos” sem que o passageiro seja obrigado a uma escala prolongada noutra ilha. Manuel Pereira recordou que já alertou o Executivo Regional para esta situação, lamentando que o horário de Inverno da SATA não tenha tido em atenção estas reivindicações, mas afirmou estar com esperança que a situação se altere depois da visita [estatutária] do Governo Regional à ilha das Flores.

Além dos transportes, os conselheiros florentinos estão também preocupados com o sector das comunicações, em especial com a obra de extensão do cabo de fibra óptica às ilhas do Grupo Ocidental, uma reivindicação com mais de uma década que ainda não foi concretizada. O presidente do Conselho de Ilha recordou que a obra “já foi adjudicada”, acrescentando que foi decidido colocar a questão no memorando a apresentar ao Governo Regional por se recear que as restrições financeiras impostas pelo Governo da República possam determinar a suspensão desta obra.

O memorando elaborado pelo Conselho de Ilha das Flores questiona ainda o Governo Regional sobre outros investimentos, como o processo de certificação da iluminação do Aeroporto das Flores, a beneficiação do Porto das Lajes, a reabilitação do Porto das Poças ou a melhoria das estradas regionais.


Notícia: rádio Atlântida, «Açoriano Oriental», «Jornal Diário», RTP/Antena 1 Açores e «Diário de Notícias».
Como resposta, na visita estatutária, o Governo Regional desvalorizou a exigência [realizada pelo Conselho de ilha] de alteração dos horários de voos da SATA para a ilha das Flores.

Saudações florentinas!!

12 comentários:

Anónimo disse...

continuem a votar no tiririca................

Anónimo disse...

Eu vou votar é em quem tu quiseres.

DR.PARDAL disse...

Continuem a votar nos «tiriricas» das Flores (alguns até nasceram noutros bantustões!), e não tenham dúvidas que pior, sim pior(!!!), vai ficar!

Anónimo disse...

Deviam ter proposto um voo de manhã e outro à tarde, assim é pouco! Que se lixe quem paga impostos! Cambada de ignorantes e demagogos! O país e as empresas de pantanas, mas todos cantando e rindo!

Anónimo disse...

em vez de pedir ao governo para se fazer obras nas flores a fim de dar trabalho que é o que mais importante do que alteração do voo que só interessa dois ou tres.

Anónimo disse...

O banana do Pereira e oconselho de ilha antes sepreocupassem com o arranjo do porto das poças,é uma vergonha as condições que embarcam os turistas,as condições são as mesmas de há quarenta anos quando o carvalho araújo vinha as Flores,
as obras que foram feitas só beneficiaram os pescadores,e muito bem,agora lembrem-se do turismo quem nos visita

Anónimo disse...

O povo Portugues é ignorante até dizer basta!! O país está em crise graças às vossas escolhas politicas....ainda vai ficar pior e é muito bem feito para quem só quer crescer em altura!! Agora agradecem aos excelentes politicos que vos representam e continuação de boas escolhas, a que mais gosto é a do ignorante do pereira e joão lourenço, estes são os melhores exemplos que posso aqui deixar e que confirmam a minha opinião.

Anónimo disse...

e em falar no joão será que já estão prontas as duas piscinas que ele disse na propaganda eleitoral é que eu vou comprar uns novos calções aqui em california para o ano dar uns mergulhos nestas piscina novas lá em baixo no porto.

Anónimo disse...

o país numa grande crise e o anónimo das 22,12 está preocupado com os turistas que não é verdade e a seguir fala em obras no porto esta é que é a verdadeira preocupação de obras nas poças mas já foram feitas para os pescadores e não é preciso mais obras quando acabar as obras na doca nas lajes passa tude para lá e fica as poças para ires pescar uns charrinhos que em tempo de crise sabe muito bem e mai nada.

Anónimo disse...

Eu como estudante que estuda no centro sul do pais, tenho que obrigatoriamente pernoitar uma noite em Lisboa ou em ponta delgada, porque se tiver sorte e conseguir voo directo entre flores-Lisboa chego depois da meia noite, horário que não há comboios nem autocarros! Mais uma despesa para quem quer prosseguir os estudos, para não falar do custo da passagem este ano paguei 295 euros, Um ABUSO!!
Assim não quem resista!!

Anónimo disse...

Penso que o porto das poças está optimo para os turistas. Existem escadas e os ditos patinhos para se embarcar.
O que está a fazer falta é um porto de recreio para os desportistas nauticos locais e para dar apoio aos iates que posam por cá passar.

Anónimo disse...

os iates deves estar é maluco desta cabeça. se eles passam pela doca das lajes iam mesmo deichar o mais perto para ir parar ao mais longe este gajo é mesmo burro em pensar desta maneira. este comentario é referente ao comentario do anonimo das 13:07.