sábado, 20 de março de 2010

Lagoa das Patas ou Poço da Alagoinha

Saudações florentinas!!

32 comentários:

Anónimo disse...

á 60 anos que sou do concelho das lajes e nunca conheci esta lago por lagoa das patas, por favor não estraguem o nome verdadeiro que é alagoinha.

Anónimo disse...

As duas versões servem.

Pato Bravo disse...

Pelo que me dizem,sempre foi lagoa das patas.
Será?Um mistério para desvendar...

Anónimo disse...

viva.. alguém sabe onde fica este maravilhoso lugar!!!

DR.PARDAL disse...

Em contraste com este lugar paradisíaco - Alagoinha ou Lagoa das Patas conforme ilustra essa maravilhosa fotografia - uma das lixeiras a céu aberto da Ilha das Flores foi página no Telejornal da RTP-1.

Mostraram a fotografia da lixeira da Ponta Ruiva ou Ponta Delgada (?) onde até bovinos mortos lá depositam.

Uma vergonha para uma ilha que tem o estatuto de reserva da biosfera.

Há décadas que esta pouca vergonha permanece.

Onde estão os «responsáveis» da ilha e da Região?

Por que é que se gasta tanto dinheiro em tretas de merda ou na «boa vai ela» e não se trata desta nódoa e ignomínia para a Ilha das Flores e para os Florentinos?

Para quêm campanhas de «limpar» isto ou aquilo, quando há lixeiras instituicionais desta natureza?

Anónimo disse...

Sou do concelho das Lajes e sempre conheci-a por "Lagoa das Patas"

Anónimo disse...

Hardlink diz:

Essa {alagoinha ou Lagoa das patas]
talvez nome local que lhe deram, mesmo a ser bonita, não passa dum poço d'água no fundo dum rochedo onde a água repousa e o Sol lhe dá.
Nada de nome oficial.

Ora; vejam lá, que até muitos florentinos a desconheciam, se não fosse a acariação recente. Porquê? Por causa do anónimato. Pois é; quem te C... tem medo. Chama-se: cobardia!..
--
Uma hipótese

Se entrar um desconhecido,anónimo, para o Blog do Forum ilha das Flores, sem se identificar e,
por (ironia...) diz ele-- rebaixar a ilha, aquilo que ele considera uma graça, é o mesmo que entrar num Banco com uma arma branca, e erguê-la.Mesmo a ser irreflectivo, é sempre culpado e até pode dar cadeia.

DCA
Hardlink@aol.com

Anónimo disse...

Esteve nos 77 ultimos finalistas das 7 maravilhas naturais de portugal...

mero poço onde desagua a agua? você tá mas é doido e ainda nao percebeu que nao tem razao.. mas continua...

Anónimo disse...

por lagoa das patas é um charco que fica na ilha terceira na estrada que começa no pico da bagacina e termina nas doze ribeiras. esta é que tem o nome de lagoa das patas.

Anónimo disse...

Nem Patas nem Alagoinha...Simplesmente sempre se chamou a este sitio de POÇO...nada melhor do que perguntar aos antigos da freguesia da Fajazinha...

Anónimo disse...

boas tardes!!!
sou da Fajãzinha, e digo que este lugar se chama apenas "poço".
-o nome poço das patas ocorreu devido a alguns patos la exixtirem.
-o poço da alagoinha, este fica por baixo do miradouro Craveiro Lopes...
continuaçao de um bom domingo!!!

Pedro disse...

Fui às Flores em 2008 . No restaurante Pôr do Sol perguntei por uma tal " lagoa das Patas" que vinha nos roteiros turísticos . Indicaram o caminho e o lugar é belíssimo , das coisas mais bonitas que já vi neste meu país que é Portugal . Como isso só o Douro, ou o Piodão ( já ouviram falar ?).
Um abraço.
Pedro Ferreira

Anónimo disse...

voces levem este pato bravo para esta lagoa das patas a fim de aver criação de patinhos.

DR.PARDAL disse...

Em tempos, o Dr.Pardal sugeriu uma reserva cinegética de patos bravos na Ponta da Fajã.

Mas estou a ver que nesta «alagoinha» ou «poço das patas», é o sítio mais indicado para alguns «patos bravos» que aqui tentam esvoaçar e levantar vôo....

Pato Bravo disse...

Dr.Pardal,devia ser uma imagem hilariante,um pato bravo nesta bela água,com um pardal a sobrevoar esta linda paisagem.

Anónimo disse...

O Pardal (ex-FDM e travesti do Cãotribuinte) no lugar de mandar os outros limparem, porque é que não manda não sujar?

Acaso foram as câmaras que plantaram o esterco que se vê nas Lajes ou em Santa Cruz?
E esfregar o focinho de quem suja, de quem entulha bermas de caminhos, de quem coloca bezerros mortos pelos cantos, no entulho que produz?

DR.PARDAL disse...

Agradeço o elogio do amigo anónimo das 00:37 quando me identifica e me compara com esses dois aristocratas do comentário blogosférico nos Açores.

No entanto, o modesto e rústico (na classificação dum outro não menos estimado anónimo) não é merecedor de tanta lisonja.

Também achei interessante o quadro de «vida selvagem» desenhado pelo colega de debate, o já mui conhecido «Pato Bravo».

Essa «cena imaginária» fez-me lembrar o título dum excelente filme de Milos Forman: «Voando Sobre um Ninho de Cucos» e que arrecadou duma vezada 5 óscares.

Neste caso titularíamos a cena deste modo:
«Dr.Pardal Voando Sobre um Ninho de Patos Bravos».

Boa Noite, meus amigos.

Amanhã, ver-nos-emos no Braga, pois aquela linguiça está cada vez mais saborosa.

Anónimo disse...

Comvem lembrar o que li aqui a cerca de um ou dois meses em que alguem falava ser agora altura de se fazer alguma coisa na marina nas lajes para pequenas reparação também pedia que se retira-se aquela segunda arvore que tira a visão para quem está a ver a baia e as obras através da camara. Daqui de California um abraço a todos.

Anónimo disse...

vou fazer como o Pedro Ferreira.Logo que junte alguns euros(infelizmente terão de ser muitos!)irei conhecer essa belíssima poça ou poço ...Pela imagem antevejo uma paisagem digna de se candidatar às maravilhas de portugal.

Pato Bravo disse...

Dr,Pardal,concordo consigo em muita matéria,mas essa da linguiça do Braga,não.Desfrute enquanto lhe apetecer...eu dispenso.

Manuel disse...

Bom dia a todos.
Fico empressionado com o anonimato
existente na Ilha das Flores et
vejo que não tem muita ocupação ou
não tem nada que fazer quando ficam durante horas
a tirar teimas ao sujeito do nome
d'um poço que la esta desde muitos
anos, até me faz rir, por autra
tenho a dizer que tambem acho
muito feio todo esse cimento
que fazem por todo o lado, eu
creio que nas Flores ha pessoas
suficientemente inteligentas
para resolver o probléma d'autra
maneira e com autros materiais,
mas o custo d'éssas obras seriam
demasiado elevados para os meios
que tem a ilha.
Autro ponto, o lixo é uma vergonha,
em 2010 ver o que se passa néssa
ilha, a culpa é de todos, sem
esquecer aqueles que de si mesmo
deitam fora por todo o lado,
mar, ribeiras, grotas etc.
Deichem-se de politicas, mãos a
obra e coragem para todos.

Um grande abraço para todos
os que me conhécem.
Eu não sou anonimo, chamo-me:
Manuel Melo.

Furtado disse...

ó grande amigo Manuel,já vi que o teu português não mudou nada desde os tempos de escola.
abraço do companheiro Furtado

Anónimo disse...

muito bem estes comentarios do dia 24 um das 11.24 e o outro das 15.16 cada qual não quer ser anónimo mas um deles chama-se manuel melo e o outro furtado mas que licao para nos anonimos,eu tb sou freitas e talvez estivemos todos na mesma escola mas quem somos?ficou tudo em anonimo igual não vale a pena criticarem porque somos todos iguais.

Adelino disse...

Mas por quê esta parvoice à volta do nome.
O que interessa é que é um lugar paradisíaco. Estive lá no Verão passado e espero poder lá voltar num futuro não muito distante.

Adelino

Anónimo disse...

Pobres são aqueles em que a natureza lhes passa ao lado, nem sei porque vêm por este meio fazer comentários de uma paisagem que mal conhecem, pior, discutir seu nome. Mais informo que pela cartografia antiga se chama "POÇO", mais tarde veio uma nova versão " POÇO DAS PATAS", ultimamente fui surpreendido pelo sinal informativo a beira da estrada regional de "POÇO DA ALAGOINHA" que acho um terrivel erro, porque considero Alagoinha noutro local da mesma zona.
Esclarecidos???????

Anónimo disse...

és um burro querias mudar o que já vem de longos anos alagoinha. para pato basta tu para fazer esta figura e que para pato tens grande jeito. para pata a não ser que mudes de sex.

Manuel disse...

Ola Florentinos, estou a ver que
o anonimo é bon observador pelo
que é das horas, mas vejo que
não me conhéce, se tem mênos de 30
anos, é normal que não me conheça,
se não; saberia que la honde
vivo, são duas horas a mais,
quem não sabe que na França são
duas horas a mais que nos Açores?
Acabei de comer e volto a trabalhar
as 13H30, se é isso que voçê
queria saber.
Um abraço amigo para todos
os florentinos.
Companheiro Furtado, não estou
a vêr quem é, mas com respeito
ao meu português, esta uma miséria,
eu escrevo muito pouco em português
desde que sai dai e agore aproveite
para fazer trabalhar a memoria,
aqui, diz-se que é como andar
de bicicléta, nunca esquéce, mas
não é bem assim...
Fica aqui o meu mail para
se algum amigo quisér dar um ola.

manuel.melo33@orange.fr

Anónimo disse...

Luiz
esse sinhor dinis do canada axo que tem razao porque ei vivi nas flores 40 anos e nao conhecia a lagoa das patas nem laguinhas.
Neste farum das flores quem escreve sem por nome nao devia iscrever e ser ispulse.

comecei a ler de traz esse que fez essa brincadera tamén nao se edentefica se era das flores ou nao,como podia saber o outro se ele era de san miguel ou da terceira?

Tenhe mais esta ainda. as flores tem 7 caldeiras a debacho da roxa é um posso de aguá parada que deve andà cheio de lodo verde no verao
e cheira male
assina Luiz Fagundes e escreve fora da ilha mas dentre dela.

uU disse...

Nao é tolice dicutir o nome!!!
È importanate pois as coisas estao a se perder no tempo e daqui a dias nao sabemos os nomes dos sitios da nossa terra.
O verdadeiro nome do lugar em questao é Poço. alagoinha fica de baixo do Craveiro Lopes do lado esquerdo e tende a desaparecer!!

Anónimo disse...

E sabem que é o prprietario do lugar? pois é!!
Ha que reevidique que é seu!!

Anónimo disse...

Pelo que parece os bons costumes florentinos não ser perderam nos tempos! Continua o bom e velho "aproveitar o que não me dava nada mas agora até pode dar"...
Ok! Tb quero! Alguém sabe se tem terrenos à venda neste poço???
Pelo q percebi alguém os reclama como seus...mas isso já é tão habitual...já o era há 25 anos atrás...ainda me lembro da casa alugada, enfim...memórias!!
Quero comprar um terreno ou então o poço!!!

Anónimo disse...

tenho dois ao pé da lagoa e o preço é acessivél sendo então cada terreno com um alquiero ao preço de 150.000.00 eiros.