quinta-feira, 23 de setembro de 2010

Carlos César irá mudar as presidências das empresas AtlânticoLine e Lotaçor

O administrador da companhia de seguros Açoreana, Carlos Reis, será o novo presidente da AtlânticoLine, empresa responsável pelo transporte marítimo de passageiros entre as ilhas dos Açores.

Uma nota do Governo Regional dos Açores indica que Carlos Reis, licenciado em Organização e Gestão de Empresas, vai substituir, a partir de meados de Outubro, António Raposo na presidência da AtlânticoLine.

No âmbito do sector público empresarial regional será também substituído o presidente da Lotaçor, empresa responsável pelas lotas do arquipélago. Numa assembleia geral marcada para 14 de Outubro, o Governo Regional vai propor que o conselho de administração passe a ser presidido por José Luís Amaral, substituindo Luís Fernandes, que se manterá naquele órgão.

Nesta nota do Executivo açoriano é também anunciada a nomeação de novos titulares para as Direcções regionais dos Assuntos do Mar, Ambiente, Transportes Aéreos e Marítimos e das Comunidades.


Notícia: «Açoriano Oriental», rádio Atlântida e o inestimável "serviço informativo" do GACS [Gabinete de Apoio à Comunicação Social, da Presidência do Governo Regional dos Açores].
Saudações florentinas!!

14 comentários:

Anónimo disse...

Espero que este novo Presidente da Atlanticoline não faça como o outro descarregar os Florentinos e visitantes de outras Ilhas a uma da manhã na doca do Faial. Um Florentino ausente.

Anónimo disse...

Um bom arejo.
A Atlanticoline e a Lotaçor são empresas estratégicas para os Açores que necessitam de se renovar periodicamente.

Estas mexidas no governo mostram o seguinte:
O PS é partido de quadros, ou seja, dentro dos seus militantes tem muita gente válida por onde escolher;
O PS é um partido de renovação, que dá lugar a gente válida de cariz independente;
Carlos César é um politico de visão, que procura pessoas certas para lugares certos.


Carlos César tem sentido público

Anónimo disse...

Espero que este perceba mais de navios que o outro e perceba que os navios sem passageiros e com preços de bilhetes exagerados a viajar para as Flores só dao é prejuizo. Depois metem o barco rapido para o pessoal de Sao Miguel ir passear para Santa Maria e do Faial para chegar cá lá vao 8 horas e paga-se mais do que se vier de aviao. VERGONHA das VERGONHAS

DR.PARDAL disse...

César está à rasquinha.

Com o Estado na mais miserável bancarrota, como é que ele vai alimentar tanta «boca»?????

Anónimo disse...

deve querer colocar um primo, o proprio filho ou um amigo na presidencia, só pode! Quero que voces se lixem todos, cambada de tolos...continuem a votar nesta gente que voces estao no caminho da banca falida...eu cá vivo muito bem, longe de voces todos! Jinhos doces so banana do pereira, este gajo é pior do que um asno, é o centro da ignorancia, incompetencia...

DR.PARDAL disse...

Li a prosa densa e hagiográfica do Anónimo das 22:23 que faz um elogio rasgado ao Sr.César, essa clarividência fenomenal que paira sobre este dócil povo e sobre as nove poldras espalhadas por este Atlântico Norte.

É um dado adquirido (e o comentário produzido por esse eminente escriba acima referido, é prova disso) que os apoiantes ou militantes do partido que apoia o Governo ou dos partidos que apoiam diferentes câmaras municipais, são muito fraquinhos em defender a sua «dama» ou quiçá a sua «malga».

São duma ignorância atroz e não devemos pôr de lado que muita dessa gente que inunde os blogues a incensar o Governo ou as empresas do Governo, são elas próprias «responsáveis» politicos ou aspirantes a tal.

Quando o eminente comentador saúda as «mudanças» que o Sr. César (que não temos dúvida, vai deixar dívidas para serem pagas para mais de trinta anos, e ele já não vai estar «cá») e também quando diz que o PS tem muitos «quadros», esquece propositadamente que quando se tem o poder de passar o cheque ou facultar um bom rol de mordomias, os «quadros» aparecem de sopetão e muitas vezes são mais do que as mães.

Se por acaso o PPM viesse a ganhar as próximas eleições, até acredito que no dia seguinte o Paulo Estevão ia ter dificuldade em escolher tanto «quadro». Certamente iria ficar por uns tempos com a cabeça quadrada, tal era a fartura.

Convém referir que muitos dos «quadros» que o PS orgulha ter, muitos deles são antigos «quadros» dos governos de Mota Amaral; outros recrutados no antigo CDS e ainda outros que são oriundos do PC e que se converteram ao Alcoirão Socialista.

Também devo referir que todos esses «quadros» são quse todos Funcionários Públicos e como o funcionário está obrigado a obedecer às hierarquias ou tutelas políticas, esses «quadros», muitos deles autênticos abortos incompetentes, tendem em obedecer à voz do dono.

E até, muitos deles têm muita sorte, pois alguns nem para porteiro ou telefonista serviriam para uma empresa minimamente decente.

Caro Anónimo das 22:23, você larga essa guedelha para enganar totós, mas não «enrola» cá o Dr.Pardal, pois não deixo passar relaxação e ignorância.

Um bom fim de semana para si, e já agora peça a Deus que lhe ilumine essa cabecinha...

Anónimo disse...

Conversa fiada a do comentador de cima.

A remodelação agora feita é um bom arejo. Primeiro porque as áreas ventiladas são sensíveis, segundo porque mostra uma coisa: neste governo nenhum director nem nenhum secretário é eterno no poder.

Que o PS é um partido de quadros, não há a menor dúvida. Quadros da região, que aderem ao projecto socialista, quadros independentes, que vêem no PS uma forma de colaborarem no progresso dos Açores e até, como reconhece, quadros de outros partidos, que vêem neste governo uma forma útil e eficaz de desenvolver os Açores.
O PS agrega enquanto outros partidos, desunem.
O PS é sem dúvida um partido de renovação, onde os militantes, os independentes e até gente de outros partidos,podem contribuir para o desenvolvimento dos açores.

Carlos César é sem dúvida um politico de visão, um homem de estado e com apurado sentido público, que procura pessoas certas para lugares certos.

Entendeu Sr. Pardal?

DR.PARDAL disse...

Amen!

Linguiça do tal disse...

Senhor anónimo das 14:20,
quadros da região?
A Senhora secretária Ana Paula Marques por acaso é dos Açores?
Lembrei-me desta agora,porque tem se falado muito nela.Mas há mais.
Quer exemplos?
É só pedir que eu lhes forneço.

Anónimo disse...

Quadros da região e quadros de gente que não nasceu na região, mas que é válida.

Há uns deputados da oposição na ALRAA que das duas uma: ou são de fora, e o sotaque não engana, ou disfarçam envergonhadamente o sotaque indigena micaelense, o que diz tudo quanto à postura.

DR.PARDAL disse...

Quadros ou «cabeças quadradas»?

O Sr.César também não esconde envergonhadamente o seu sotaque de «japonês» e não faz um esforço para falar à moda dos alfacinhas ou dos saloios dos lados das terras dos mouros?

Anónimo disse...

Governantes de fora não são novidade no grupo ocidental.
Tal como os nossos, uns bons, outros menos bons.

Reparem por exemplo no continental deputado corvino Estevan, que depois de discursos inflamados, ataques aos colegas da posição ainda nos brindou com uma greve de fome?

Anónimo disse...

o banana do pereira brinda-nos diariamente com a sua incompetencia! Amen jasus como se diz por este lados!

Anónimo disse...

a macacada do PS a comentar! venha a pena de morte pra ca que precisamos dela com força começo com o carlinhos cesar macaco socialista corupto ladraooooooooo! e aquela menina que sacou uma bolsa de estudo para o filhinho da mama por 9.500 euros! morte aos socialistase que nao sobre um vivo ! disse !